Como surgiu a Dança Irlandesa?

Como surgiu a Dança Irlandesa?

Ávany França

8 meses atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Tem coisa mais clichê que ver gringo circulando pelas escolas de samba carioca, cheios de alegria e estarrecidos com o molejo das passistas brasileiras? Aqui na Irlanda não tem o batuque e nem tem as passistas seminuas, mas o ritmo da música Irish, também tem seu charme.

Ficou curioso para aprender alguns passos da Dança Irlandesa?

Dança irlandesa é tradição na Irlanda. © Darkbird77 | Dreamstime.com

Dança é tradição na Irlanda. © Darkbird77 | Dreamstime

Eu só descobri isso depois de quase três anos morando aqui e lamento tremendamente ter sido apresentada à Dança Irlandesa tão tarde, então fica a dica. Se eu fosse você, eu não sairia da Irlanda sem experimentá-la, mesmo que seja de brincadeira e por farra numa noite dessas em um pub tradicional.

Por quê? Primeiro porque você dificilmente conseguirá ficar parado diante de um grupo de músicos irlandeses e, segundo, porque a dança é uma das expressões mais fiéis da encantadora essência da cultura irlandesa.

A alegria, a energia e a generosidade que aflora de cada passo é algo que fará você jamais esquecer que esteve aqui. Tá achando puro romantismo? Vou reacender sua memória com uma cena que quase toda humanidade já assistiu, mas certamente, pouco notou que ali estava a mais intrínseca tradição irlandesa.

Como surgiu a Dança Irlandesa?

Sincronismo e muita pirueta faz parte da dança irlandesa. © Jackq | Dreamstime.com

Sincronismo e muita pirueta faz parte da dança irlandesa. © Jackq | Dreamstime

No primeiro momento, a dança irlandesa parece uma coisa tão distante da nossa percepção, mas não é. Lembra do sapateado dos filmes hollywoodianos? Herança da Dança Irish. Charlin Chaplin e Michael Jackson também foram outros que brincaram com a dança irlandesa.
Mas mesmo muito antes disso, quando o solo verde ainda era frequentado pelo Druidas e por todos os rituais Celtas, as danças circulares, repletas de alegria, eram que ditavam o compasso dos festivais da época. E olha que, segundo historiadores, isso é coisa de 400 d.C. Também é possível encontrar fortes referências da dança clássica e também da Normanda.

Mistura daqui, mistura dali, o que temos hoje são estilos variados e, embora no primeiro momento se associe a dança Irish ao famoso grupo Riverdance, ou mesmo a um grupo de garotas dando salto de matar um canguru de inveja, essa é apenas uma das variações, conhecida como Tap Dance. Olha ela aí:

Dança irlandesa encanta o público.© Salajean | Dreamstime.com

Dança irlandesa encanta o público. © Salajean | Dreamstime

As minhas aulas estão mais relacionadas com a Set Dance, que acontece de forma circular e em grupos de quatro casais. É, na verdade, uma grande brincadeira, onde os casais dançam um após outro, interagem e competem entre si. É diversão garantida e muitas calorias indo embora depois de uma hora de dança.

Outra conhecidíssima, que também circula no rol das danças sociais, é a Ceili, que pode ser dançada em dupla ou em grupos de até 16 pessoas numa roda. A cena da festa irlandesa do Titanic é um bom exemplo dela.

A dança Irish é bem competitiva e um bom exemplo disso é ver os Sets formados com nome de diferentes condados. Euzinha aqui já aprendi o Conemara Set, Kilfenora Set, Caledonian Set, Plain Set e Clare. Só não me perguntem como faço para lembrar as sequências de cinco coreografias em cada um deles. Quando se começa a dançar, a coisa flui e é muito, muito contagiante.
Uma coisa curiosa é que as turmas de Set Dance são compostas de pessoas mais adultas – são poucos os jovens nas aulas. Luluzinhas queridas, não esperem os parceiros mais charmosos para dançar, porque eles passam longe, mas é nítido que o que se procura é um bom parceiro de pés para compor as duplas.

Eu costumo dizer que as segundas à noite é o único momento em que eu literalmente “procuro por homens” e olha que eu nem ligo se eles são desdentados ou possuem uma barriguinha saliente, o que vale é que eles consigam me fazer rodopiar durante o set. Believe me, you sould try it!

Para conhecer os pubs e locais para aulas de Dança Irlandesa, visite a página do Setdance.

Imagens via Dreamstime
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para jornalismo@e-dublin.com.br

Avatar
Ávany França, Uma vida sem desafios não foi desenhada para essa baiana de Salvador. Jornalista por profissão, já passou por editorias de moda, gastronomia, história e turismo. Amante das viagens, coleciona mais de 80 destinos no passaporte. Quer saber mais? Corre porque até você terminar de ler esse perfil já terei alguma novidade.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar