Fórmula Santander oferece 300 bolsas de estudo

Fórmula Santander oferece 300 bolsas de estudo

Deby Pimentel

1 ano atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Foto: SergPoznanskiy / Depositphotos

300 bolsas de estudos são oferecidas em 21 países diferentes. Foto: SergPoznanskiy / Depositphotos

Já pensou em estudar na University of Oxford (Reino Unido), na Harvard University (EUA) ou na Universidade de Bremen (Alemanha)? Ou está de olho numa temporada surpreendente na China, pela Shangai Tech University? Se você está entre os interessados em passar uma temporada no exterior estudando, estão abertas até 31 de agosto as inscrições para a 8ª edição do programa de Bolsas Fórmula Santander. No total, serão contemplados 300 estudantes universitários, sendo eles do Brasil, Espanha, México e Reino Unido, com bolsas de estudos de mobilidade internacional com duração de até seis meses. No Brasil, o programa vale para alunos de graduação e pós-graduação de 53 universidades conveniadas ao Santander Universidades.

As oportunidades são em cerca de 1,2 mil instituições de destino, habilitadas em 21 países, como Alemanha, Argentina, Bélgica, Catar, Chile, China, Colômbia, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, México, Peru, Polônia, Porto Rico, Portugal, Rússia, Uruguai, entre outros. Os estudantes selecionados receberão uma bolsa-auxílio equivalente a 5 mil euros para cobrir custos com transporte, hospedagem e alimentação. Os escolhidos também poderão participar do Treino Livre do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, em 10 de novembro de 2017.

Pensando em estudar no Reino Unido? Ou prefere Singapura? Crédito: Hasloo / Depositphotos

Pensando em estudar no Reino Unido? Ou prefere Singapura? Crédito: Hasloo / Depositphotos

Como Participar

Com inscrições até o dia 10 setembro pelo formulário no site da instituição ou ainda pelo aplicativo, o programa prevê a indicação de até três países, portanto 3 universidades diferentes, conforme critério estabelecido pela universidade de origem e o Santander Universidades. Por isso, fique atento que as instituições participantes devem publicar um edital com todas as informações necessárias – vale ressaltar que nas últimas edições foram priorizados alunos de alto desempenho acadêmico e baixas condições financeiras, o que deve se repetir, além das regras específicas de cada uma das pertinentes.

Além de ser uma oportunidade única de intercâmbio, estudar fora do país é um diferencial na formação universitária, reforçando o aprendizado por meio de outras culturas e idiomas, ampliando as chances no mercado de trabalho.

No site da instituição, também há a indicação de outros programas que são renovados periodicamente. Invista nesta oportunidade.

Conheça as mais de 1,2 mil instituições participantes. Crédito: Rawpixel / Depositphotos.

Conheça as mais de 1,2 mil instituições participantes. Crédito: Rawpixel / Depositphotos.

Imagens via Depositphotos
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para jornalismo@e-dublin.com.br

Avatar
Deby Pimentel, Jornalista com MBA em Marketing e Empreendedorismo, Débora Pimentel é uma paulistana apaixonada por fotografia, gastronomia e tecnologia. Uma virginiana que adora novas culturas e desafios. Acredita que a informação é sempre a melhor maneira de transformar sonhos em possibilidades.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar